Previsão do tempo
16°
28°
Parcialmente Nublado

Rota 94

Adriana Riva

Notícias
Saúde
Regional de Dionísio Cerqueira conta com mais duas salas de Situação para combate ao mosquito Aedes aegypti
Em São José do Cedro, as ações já estão sendo realizadas, e o município já está na terceira etapa do plano

Na sexta-feira, 18, foi realizada no município de Dionísio Cerqueira a capacitação dos Agentes de Saúde, sociedade Civil, funcionários da área de Saúde e equipe que irá trabalhar na Sala de Situação para combate ao mosquito Aedes Aegypti.

 

Os 28 municípios de Santa Catarina considerados infestados pelo Aedes aegypti estão implantando as salas de situação, cada um com meta de eliminação do mosquito. Neste mês, dois munícipios da Regional de Dionísio Cerqueira implantaram as salas, Dionísio Cerqueira e São José do Cedro.

 

Essas salas devem abrigar os profissionais para que eles discutam os planos de ação, em acordo com o modelo estadual. A ideia é que as salas funcionem, assim como a do Estado, diariamente e com a mesma composição da catarinense, com representantes das Vigilâncias em Saúde, Atenção Básica, Gerências Regionais de Saúde, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Secretaria de Educação e Secretaria de Obras e Infraestrutura.

 

No município de Dionísio Cerqueira, nesse primeiro momento, será montado o plano de ação contendo metas e ações a serem executadas nos próximos meses, utilizando como base o plano estadual de contingência para o enfrentamento da dengue. 

 

Em São José do Cedro, as ações já estão sendo realizadas, e o município já está na terceira etapa do plano.

 

A Gerente de Saúde da Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira Eila Labres destaca que as salas de situação são instrumentos muito importantes para o monitoramento da situação em cada município infestado. “Em nossa Regional, além de Dionísio Cerqueira e São José do Cedro, Anchieta, Guarujá do Sul e Princesa também são considerados infestados e já implantaram as salas, por isso mais do que nunca precisamos nos conscientizar da responsabilidade de cada um, pois sabemos que cada cidadão é responsável por fazer a sua parte, pois juntos faremos a diferença”.

 

Atribuições das salas de Situação nos municípios

- Planejar a execução das ações de mobilização e de combate ao mosquito em seu município;

- Mobilizar pessoal, insumos, equipamentos e logística para a intensificação das ações de combate ao mosquito;

- Coordenar, monitorar e supervisionar a execução das ações de mobilização e combate ao mosquito em seu município;

- Intensificar as ações de combate ao vetor;

- Gerenciar os estoques de adulticidas e larvicidas;

- Informar à Sala de Situação Estadual para o combate ao Aedes aegypti/SC, as necessidades logísticas para o pronto cumprimento da mobilização e combate ao mosquito;

- Realizar os levantamentos de dados para os indicadores;

- Consolidar dados e informações sobre a intensificação das ações de combate ao mosquito;

-  Remeter os dados à Sala de Situação Estadual para o combate ao Aedes aegypti/SC;

- Integrar as equipes de agentes de endemias e comunitários de saúde nas atividades de mobilização e combate ao mosquito;

- Engajar as equipes de saúde para conscientização e orientação da população;

- Envolver professores e alunos das instituições de ensino nas atividades de conscientização e orientação da população;

- Envolver o Ministério Público e o Poder Judiciário na intensificação da campanha;

- Incentivar a participação da sociedade civil organizada;

- Contribuir para a conscientização da sociedade sobre a importância da atuação de cada cidadão nos cuidados preventivos necessários para evitar a proliferação do mosquito nos ambientes;

- Avaliar resultados da intensificação da campanha para orientar a continuidade das ações.

Veja Também
Polícia
Ocorrência de violência doméstica
Geral
Vendas para o Dia dos Pais podem crescer até 5%, em 2018
Geral
Nova bactéria na lavoura de milho assusta produtores da região oeste
Economia
Comércio vendeu mais no Dia dos Pais, mas resultado foi considerado fraco
Polícia
Unidades prisionais de Santa Catarina começam a receber aparelhos de raio-x e detectores de metais
Polícia
Rapaz baleado pelo padrasto morre no hospital