Previsão do tempo
13°
15°
Variação de Nebulosidade

Ave Maria

Paróquia de Barracão

Som Brasil

Laudinor Dalvani

Notícias
Geral
Após 15 dias, professores encerram greve no Paraná

Os professores e funcionários da educação suspenderam a greve da categoria, em assembleia realizada na manhã desta segunda-feira (31) e as aulas estão programadas para voltar na terça-feira (1). Cerca de 3 mil educadores participaram da reunião organizada pela App-Sindicato.

De acordo com a nota divulgada pelo sindicato, os profissionais vão realizar outras mobilizações para avançar com as negociações junto ao governo estadual. O Estado tem 78 mil professores e 31 mil funcionários da Educação, com 1 milhão de estudantes distribuídos em 2,1 mil escolas. Segundo o sindicato, a paralisação atingiu 65% da categoria.

A greve foi deflagrada contra a emenda da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), encaminhada pelo governador Beto Richa (PSDB) para a Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) que retira o reajuste dos servidores públicos previsto para janeiro de 2017. A votação da emenda foi suspensa.

A promessa de reajuste foi feita para acabar com a greve dos servidores, que aconteceu no ano passado, durou 44 dias e ficou marcada pela violência do dia 29 de abril.

No dia 20, o governo do estado aceitou retirar o item 33 da emenda nº 043/2016, que suspenderia a data-base dos servidores públicos no ano que vem, caso as greves sejam encerradas. De acordo com a assessoria de imprensa da Casa Civil, a proposta só deve valer quando todas as categorias de servidores públicos encerrarem a paralisação. Os policiais civis e professores universitários também estão em greve.

O presidente do Sinclapol, sindicato que representa os policiais civis, afirmou que a categoria deve voltar ao trabalho após receber a notificação da decisão do Tribunal de Justiça que considerou a greve ilegal. “A assembleia que nós já tivemos decidiu que, em caso de declaração de ilegalidade da greve, vamos voltar ao trabalho. Estamos esperando a notificação para começar outro movimento, sem paralisação, mas vamos recorrer da decisão política do TJ”, afirmou.

Veja Também
Geral
'Atrasados' podem declarar o Imposto de Renda a partir desta segunda
Polícia
Brasil tem 16 cidades na lista 50 mais violentas do mundo
Entretenimento
Videogame e jogos online são as atividades preferidas das crianças
Polícia
Policiais acabam com festinha que perturbava o sossego alheio, em pleno o domingo, em Dionísio.
Geral
Morre o Tradicionalista, compositor e comunicador Osmar de Souza
Polícia
Polícia Civil recaptura foragido da Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão