Previsão do tempo
25°
33°
Parcialmente Nublado

Chimarreando com a Fronteira

Loreno da Silva

Som Brasil

Laudinor Dalvani

Notícias
Polícia
Criminosos invadem residência em São José do Cedro

Na noite da última sexta-feira (07), por volta das 23h43, no Loteamento/Linha São Domingos, no município de São José do Cedro/SC, quadro indivíduos invadiram a propriedade de um casal, dando voz de assalto, bem como ameaçando com um revólver.

No momento em que um dos agressores estava levando o casal até um dos cômodos da residência, a vítima masculino entrou em luta corporal com o criminoso e conseguiu tomar para si a arma do indivíduo, o que conseguiu disparar várias vezes contra os criminosos, que se evadiram em direção à mata que fica próxima da residência.

A equipe PM chegou ao local, com apoio de guarnições de municípios vizinhos, para auxiliar nas buscas, porém os meliantes não foram localizados.

Após um levantamento, foi constatado o roubo de R$ 1.900,00 (mil e novecentos reais) em espécie e um aparelho celular. A arma que foi utilizada pelos criminosos, um revólver da marca Taurus, calibre .38, com numeração suprimida e com cinco cartuchos deflagrados.


Na tarde de ontem (10), por volta das 16h20, compareceu na sede do 3º Pelotão da PM de Barracão, uma noticiante que informou um fato de estupro de vulnerável, de sua filha.

Conforme seu relato, no dia 08, sábado, por volta das 19h30, o seu convivente, de 44 (quarenta e quatro) anos, estava sentado no sofá, junto de sua enteada, de 08 (oito anos), e os dois estariam enrolados em um cobertor, assistindo a programação da televisão.

Em ato contínuo, a noticiante percebeu uma movimentação estranha embaixo da coberta e, rapidamente, foi até o sofá para verificar, momento em que retirou o cobertor e flagrou que seu convivente estava segurando as mãos da filha sobre o órgão genital dele.

A noticiante relatou ainda que conversou com a menor e a questionou para saber mais detalhes do acontecido, o que respondeu que não era a primeira vez e que já fazia aproximadamente um ano e meio que isso estava acontecendo. Também informou que não contou antes, pois estava sendo ameaçada por seu padrasto.

Buscando esclarecer os fatos, a noticiante questionou o indivíduo, o que, em tom de ironia, teria falado à ela para procurar os direitos que lhe cabiam.

Somente nesta segunda (10), foi possível se deslocar até o Pelotão para noticiar e registrar o Boletim de Ocorrência.

De posse das informações, a equipe PM acionou o Conselho Tutelar, bem como a Polícia Civil, e iniciou os trabalhos de busca do meliante, se deslocando até o local de trabalho do mesmo, o que foram informados de que não tinha aparecido para trabalhar. Após, a equipe se deslocou até a residência do casal e também não foi localizado.

A noticiante e a menor foram encaminhadas até a DP para os procedimentos cabíveis.

Veja Também
Geral
Bom Jesus do Sul realiza a 1ª Gincana de Conscientização sobre dengue com alunos da Rede Municipal de Ensino.
Geral
Governo quer ajustes na Lei do Ato Médico
Polícia
Organização Mundial de Saúde revela que 372 mil pessoas morrem por ano, vítimas de afogamento
Geral
Comissão Organizadora apresenta os resultados da 21ª edição da Festa do Chapéu de Palha
30
Policiais Federais de DC aderem à greve
Geral
Brasil bate meta de vacinar 95% das crianças