Previsão do tempo
15°
23°
Parcialmente Nublado

Chimarreando com a Fronteira

Loreno da Silva

Som Brasil

Loivo Miguel

Notícias
Geral
Para reduzir rombo, governo quer limitar salário inicial de servidor a R$ 5 mil

O governo bateu o martelo e vai revisar as metas fiscais de 2017 e 2018. O rombo deste ano subirá de R$ 139 bilhões para R$ 159 bilhões. Já o déficit primário do ano que vem passará de R$ 129 bilhões para R$ 149 bilhões.

Para conseguir o resultado, o governo vai apertar o funcionalismo público. Serão encaminhadas ao Congresso propostas para adiar o reajuste dos servidores de 2018 para 2019 (o que resulta numa redução de gastos de R$ 9 bilhões) e para acabar com o auxílio reclusão, pago a famílias de detentos (dando uma economia de R$ 600 milhões).

O governo quer ainda limitar os salários iniciais do funcionalismo a R$ 5 mil. Segundo integrantes da equipe econômica, existem hoje carreiras em que o funcionário ingressa no serviço público ganhando quase R$ 20 mil, o que faz com que ele atinja o teto muito cedo.

A equipe econômica chegou a propor ao presidente Michel Temer acabar com o auxílio funeral, mas a ideia acabou vetada.

Com informações do portal G1

Veja Também
Polícia
Menor é apreendido portando ilegalmente arma de fogo
Polícia
Reta final para inscrições no concurso de Agente Temporário do Serviço Administrativo da PM de SC
Polícia
Adolescente continua desaparecida na Tri-Fronteira
Polícia
Polícia Militar tira de circulação uma tonelada e oitocentos quilos de maconha e 370 mil pedras de crack
Geral
Alunos da Regional de Dionísio Cerqueira receberão mais de 6 mil kits de material escolar
Polícia
Depois de disparos de arma de fogo, homem é morto em São Miguel da Boa Vista