Previsão do tempo
13°
20°
Possibilidade de Chuva pela Manhã

Musical

Notícias
Geral
Para reduzir rombo, governo quer limitar salário inicial de servidor a R$ 5 mil

O governo bateu o martelo e vai revisar as metas fiscais de 2017 e 2018. O rombo deste ano subirá de R$ 139 bilhões para R$ 159 bilhões. Já o déficit primário do ano que vem passará de R$ 129 bilhões para R$ 149 bilhões.

Para conseguir o resultado, o governo vai apertar o funcionalismo público. Serão encaminhadas ao Congresso propostas para adiar o reajuste dos servidores de 2018 para 2019 (o que resulta numa redução de gastos de R$ 9 bilhões) e para acabar com o auxílio reclusão, pago a famílias de detentos (dando uma economia de R$ 600 milhões).

O governo quer ainda limitar os salários iniciais do funcionalismo a R$ 5 mil. Segundo integrantes da equipe econômica, existem hoje carreiras em que o funcionário ingressa no serviço público ganhando quase R$ 20 mil, o que faz com que ele atinja o teto muito cedo.

A equipe econômica chegou a propor ao presidente Michel Temer acabar com o auxílio funeral, mas a ideia acabou vetada.

Com informações do portal G1

Veja Também
Saúde
Exame de papanicolau previne contra o câncer de colo de útero, que mata mais de cinco mil brasileiras todos os anos
Geral
OAB cobra infraestrutura em presídios de Roraima
Polícia
Livraria é arrombada no centro de Barracão
Saúde
Senado aprova obrigatoriedade de teste da "linguinha" para recém-nascidos
Geral
Justiça veta em todo o País venda de andador infantil
Geral
Assume novo diretor-geral e novo gerente de Administração na SDR Dionísio Cerqueira