Previsão do tempo
22°
25°
Pancadas de Chuva a Tarde

Jornal da Manhã

Cláudio Saccol

Bom dia Fronteira

Jeferson Rodrigues

Notícias
Polícia
Universitário confessa matar tio e ferir avó de 86 anos em festa de família no Oeste, diz polícia

Um universitário de 23 anos se apresentou à Polícia Civil de Pinhalzinho, no Oeste catarinense, na madrugada desta terça-feira (02) e confessou ter invadido a casa do tio, dado os tiros que o mataram e feriram a avó de 86 anos e outras três pessoas. O crime ocorreu na noite de domingo (31) por volta das 22h30 na Linha Boa Vista em Pinhalzinho. O rapaz chegou à casa encapuzado e atirou nos parentes.

Conforme os policiais, ele planejava o crime há um mês. Vizinhos da família declararam à polícia que o rapaz se sentia lesado na divisão de uma herança deixada pelo avô e teria atirado em Juares Ogliari, de 47 anos, que era professor do Instituto Federal Catarinense (IFC) de Concórdia desde maio de 2016. Conforme a unidade, ele era servidor federal do Rio de Janeiro cedido para o campus.

O jovem chegou à delegacia, onde permanecia detido até as 9h30, acompanhado de um advogado. Segundo a Delegacia de Pinhalzinho, mais tarde, ele deve ser encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Maravilha, também no Oeste.

Segundo os policiais, o rapaz cursa engenharia em Florianópolis e não tinha antecedentes criminais. Outros detalhes sobre o caso não foram informados pela polícia.

FOTO:G1

 

Veja Também
Polícia
Motocicleta é furtada em Santo Antonio do Sudoeste
Geral
Presidente da Câmara barraconense fala sobre a sua eleição, para o comando da Casa de Leis para o biênio 2017-2018
Mundo
Moto retirada de circulação após acidente
Geral
Preços da gasolina e do álcool, que teve redução de R$ 0,37, voltam a cair
Geral
Deputado Estadual Marcos Vieira afirma que o PSDB tem condições de administrar a Prefeitura de Dionísio Cerqueira e Flávio Berté será o candidato do p
Geral
MEC quer colocar aulas das universidades federais na internet