Previsão do tempo
16°
Predomínio de Sol

Manhã da Fronteira

Jeferson Rodriguês

Super Manhã 94

Adriana Riva

Notícias
Geral
Governo pode investigar postos por suspeita de formação de cartel

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco, informou que pediu ao presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), Alexandre Barreto, para investigar os preços praticados por postos de combustíveis.

O ministro está preocupado com uma possível formação de cartel no setor. Moreira Franco questionou o fato dos postos não reduzirem os preços quando a Petrobras diminui nas refinarias.

"O fornecedor é que fixa preço e o consumidor tem direito a escolher um preço mais baixo. O que nós estamos vendo é que quando há queda na Petrobras, ela não se reflete na bomba de gasolina. O consumidor não está sendo beneficiado", disse o ministro.

Na primeira semana do ano, a Petrobras reduziu os preços do diesel e da gasolina nas refinarias, respectivamente, em 3,5% e 2%. Em 13 de janeiro, a empresa diminuiu novamente os valores dos dois combustíveis em 0,7%. No dia 18 do mesmo mês, a companhia anunciou nova queda para a gasolina, de 0,5%.

Ontem, foi anunciado mais uma redução do preço da gasolina e do diesel. A partir de hoje, os novos preços estarão 3% (gasolina) e 2,6% (diesel) mais baratos nas refinarias

Veja Também
Geral
Confirmação de inscrição no Enem pode ser acessada pela internet
Geral
Consumo de leite com açafrão vira moda entre brasileiros
Polícia
Morre no hospital jovem vítima de acidente
Polícia
Polícia Militar de SC troca de comando
Geral
DNIT adia para maio o novo mutirão com famílias atingidas pelas obras de revitalização da BR-163
Geral
Organizadores apresentam balanço de evento do Dia das Crianças na Tri-Fronteira