Previsão do tempo
22°
32°
Pancadas de Chuva pela Manhã

Musical

Encontro de Bandas 2ª edição

Loivo Miguel

Notícias
Geral
Operação da PF prende ex-assessor do PT em investigação sobre fundos de pensão dos Correios

Operação da Polícia Federal prendeu, na quinta-feira, o ex-secretário nacional do PT, Marcelo Sereno, que foi assessor do ex-ministro José Dirceu.

Além de Sereno, estão na mira o ex-chefe de gabinete da presidência dos Correios, Adeilson Telles; o lobista Milton Lyra, ligado ao MDB; e o sindicalista Carlos Valadares.

São alvos de investigação sobre envio de dinheiro ao exterior e suspeitos de receber propina em prejuízo dos fundos de pensão dos Correios e do Serpro.

As 21 ordens de busca e apreensão são do juiz Marcelo Bretas, da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro.

Também foram determinados 10 mandados de prisão preventiva no Rio, São Paulo e no Distrito Federal.

As investigações apontam o investidor Arthur Machado, ex-sócio da Ágora, como responsável por distribuir propina aos operadores dos fundos.

Machado é o atual CEO do ATG Group, empresa responsável pela nova bolsa de valores, concorrente da BMF/Bovespa.

As operações ilegais envolvem pelo menos 1 milhão de dólares, movimentados pelos doleiros Vinícius Claret e Cláudio Barbosa, envolvidos também no caso Odebrecht e nas denúncias ligadas ao ex-governador Sérgio Cabral.

Veja Também
Polícia
Idosa de 95 anos morre afogada na piscina de casa em Herval D´Oeste
Polícia
Após saída de bar elemento é agredido a pauladas em Dinonísio Cerqueira
Beto Richa sanciona o Estatuto da Pessoa com deficiência
Polícia
PRF prende homem pela segunda vez transportando droga
Polícia
PRF reprime exploração sexual de crianças e adolescentes em todo o país
Bebê aparece coberto por dinheiro falso em foto apreendida no Meio-Oeste