Previsão do tempo
16°
26°
Variação de Nebulosidade

Sabadão Sertanejo

Doalcei Alves

Encontro de Bandas

Loivo Miguel

Notícias
Geral
Governo cria "política do consumidor" e prevê seguro para reajuste da gasolina

Sem interferir no modelo adotado pela Petrobras para reajuste dos combustíveis, governo prevê redução do preço da gasolina e do gás de cozinha até o mês de julho.

A chamada “política para o consumidor” prevê um seguro para evitar que os reajustes sejam repassados integralmente a população até o fim do ano.

Vai funcionar como um moderador do valor estimado para a cotação do barril de petróleo. Sobre a média, é feito um alinhamento dos tributos, que pode variar para mais ou para menos, de forma que os preços fiquem equilibrados.

Além de evitar uma crise semelhante à que foi anunciada pela greve dos caminhoneiros, o governo quer passar a imagem de que não há interferência na Petrobras.

Segundo o Estadão, o ministro das Minas e Energia, Moreira Franco justificou a medida como atribuições diferentes.

Para ele, as empresas cuidam do mercado, enquanto cabe o governo cuidar das pessoas.

A proposta do seguro requer apoio dos governos estaduais para redução do ICMS sobre o preço final ao consumidor.

Considerado um “plano de transição”, na opinião do ministro Moreira Franco, é uma tentativa do Planalto de agir de forma mais intensa e duradoura, que vai além das medidas de redução de 46 centavos no litro do diesel e do congelamento do preço do produto por 60 dias.

Veja Também
Polícia
Aprovada pena maior para morte de mulher decorrente de violência doméstica
Política
Dilma responsabiliza Lava-Jato por queda do PIB
Geral
Com combinação inédita, último sorteio da Mega-Sena contempla 4 ganhadores
Geral
Cerca de 63% dos brasileiros compram medicamentos genéricos
Polícia
Uma carona mal dada, resulta em roubo em Francisco Beltrão
Polícia
Mulher é encontrada morta após cair do 13º andar em Chapecó