Previsão do tempo
22°
33°
Pancadas de Chuva

Clube do Povo

Doalcei Alves

Rota 94

Adriana Riva

Notícias
Geral
Custo de vida da população de baixa renda sobe, mas alimentos impedem uma alta maior

Custo de vida da população de baixa renda cresce 0,04 por cento, em agosto.

A pesquisa foi feita pela Fundação Getúlio Vargas, que levou em conta os produtos e serviços essenciais e mais consumidos por quem ganha até duas vezes e meia o valor do salário mínimo.

A boa notícia é que o ritmo de aumento perdeu força.

Já que, nos dois meses anteriores, as altas foram bem maiores: 1,52 e 0,25 por cento.

A melhora aconteceu porque os preços de alguns alimentos, por exemplo, simplesmente despencaram.

A cebola ficou 25 por cento mais barata. Enquanto batata, frango, leite e banana também aparecem na lista com as principais quedas.

Até por isso, as despesas com alimentação caíram 0,4.

Também diminuíram os gastos com vestuário e comunicação.

E o resultado de agosto só não foi melhor graças ao aumento das despesas com habitação, saúde, educação e transporte.

Puxadas, por exemplo, pelo cigarro, a conta de água e a passagem de ônibus.

Veja Também
Geral
Fundo PIS-Pasep: quem trabalhou com carteira assinada entre 1971 e 1988 tem direito
Polícia
Acidentes com caminhões mataram 237 em estradas de SC em 2014
Educação
Aulas são suspensas e escolas antecipam férias por causa das chuvas no Oeste Catarinense
Economia
Brasil tem quase meio milhão de catadores de material reciclado, que chegam a ganhar mais que o valor do salário mínimo
Geral
Problemas no airbag são o principal motivo para o recall de veículos no Brasil
Geral
Palestrante da noite, Patrícia Santos – falou sobre possibilidades.