Previsão do tempo
16°
28°
Parcialmente Nublado

Clube do Povo

Itamar Soares

Rota 94

Adriana Riva

Notícias
Mundo
ONU atribui a Israel crimes contra a humanidade promovidos por ataques em Gaza, em 2018

Relatório do Conselho de Direitos Humanos da ONU apontou que respostas de Israel ao conflito em Gaza, em 2018, podem ser considerados crime contra a humanidade.

Uma comissão analisou fatos do conflito ocorrido em território palestino entre março e dezembro.

Concluiu que soldados israelenses cometeram violações contra os direitos humanos e o direito internacional humanitário, alguns que podem se constituir em crimes de guerra e devem ser imediatamente investigados.

Segundo a ONU, mais de 6 mil manifestantes, desarmados, foram atingidos por atiradores de elite militares por várias semanas, durante os protestos.

Entre as vítimas, estavam jornalistas, profissionais de saúde, crianças e pessoas com deficiências, visivelmente reconhecíveis.

No relatório, a pesquisadora Sara Hossain destaca que não há razão para ferir jornalistas, médicos e pessoas que não representam ameaça iminente de morte. E que atacar crianças e deficientes é alarmante.

Segundo a investigação, pelo menos 251 palestinos foram mortos por tiros israelenses ao longo da fronteiro. Outros, morreram em ataques por retaliações a atos hostis.

Israel rejeitou o relatório da ONU, que será reapresentado em 18 de março, com mais detalhes.

Veja Também
Polícia
Número de acidentes e mortes nas estradas federais cai 10% no fim de ano
Polícia
Veículo de Dionísio Cerqueira bate em caminhão após tentar fugir de fiscalização da PRF
Geral
Inadimplência recua no país em setembro, mas ainda atinge mais de 61 milhões de brasileiros
Geral
Prefeito Zandoná de Barracão fala sobre o Projeto de Futebol em parceria com o Atlético Paranaense
Economia
Brasileiros nunca gastaram tanto no exterior
Geral
Maioria dos brasileiros acha que carga tributária dos mais ricos deve ser maior