Previsão do tempo
10°
24°
Predomínio de Sol

Rota 94

Adriana Riva

Notícias
INSS consegue analisar metade dos pedidos de auxílio-doença encaminhados durante a pandemia

Mais de meio milhão de brasileiros apresentaram pedidos de auxílio-doença após o início da pandemia de coronavírus.
De acordo com o Instituto Nacional do Seguro Social, o INSS, até o início desta semana foram 541 mil solicitações.
Desse total, cerca de 220 mil foram avaliadas pelo órgão até agora.

O presidente do INSS, Leonardo Rolim, informa que 75 mil pedidos foram deferidos, 105 mil indeferidos e 39 mil estavam sem os atestados médicos.

O documento é necessário para o recebimento antecipado de um salário mínimo, autorizado pelo órgão enquanto não é possível fazer a perícia.

As informações foram dadas por Rollim durante audiência pública, por meio de videoconferência, na comissão externa da Câmara dos Deputados que discute medidas para enfrentar o corornavírus.

O presidente do INSS esclareceu que a demora nas análises foi provocada por problemas no sistema, o que é normal por ser um novo modelo de trabalho.
De acordo com a Agência Câmara, ele acredita que nos próximos dias o volume de pedidos de auxílio-doença analisados vai aumentar consideravelmente.

Veja Também
Polícia
Número de mortes confirmadas na tragédia de Santa Maria, no RS, sobe de 231 para 235
Polícia
PRF apreende mercadorias contrabandeadas na BR-280
Geral
Semana do Microempreendedor Individual tira dúvidas e presta serviços gratuitos à empresas de Barracão
Polícia
Motocicleta furtada é recuperada
Polícia
Polícia recupera trator furtado em Palma Sola
Geral
STJ suspende ações que pedem correção de saldo do FGTS pela inflação