Previsão do tempo

Fronteira no Esporte

Alisson Júnior

Clássicos da 94

Maria Eduarda

Notícias
Ações sobre dívidas trabalhistas estão suspensas por falta de índice para cálculo

Todos os processos trabalhistas em curso que aguardam definição do índice de correção do valor devido estão suspensos no país.

A decisão é do Supremo Tribunal Federal, por liminar do ministro Gilmar Mendes.

O que está em debate é a taxa de correção, que na reforma trabalhista, em 2017, passou a ser a TR -Taxa Referencial - do Banco Central, que costuma ficar abaixo da inflação.

Um exemplo é a TR do ano passado, que foi calculada em ZERO POR CENTO.

Ainda na segunda-feira, o plenário da Tribunal Superior do Trabalho previa voltar à pauta, que já tem 17 dos 27 ministros a favor da adoção do Índice de Preços ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E), mais favorável aos trabalhadores.

A maioria da corte trabalhista considera o cáculo pela TR inconstitucional.

No entendimento do ministro do STF Gilmar Mendes, a escolha do índice ganha importância diante da dimensão da crise econômica provocada pela pandemia de Covid-19.

 

Veja Também
MPSC recomenda a escolas particulares a adequação das mensalidades devido à pandemia
Polícia
Agente penitenciário é morto após agredir a irmã deficiente no Meio-Oeste de SC
Economia
OCDE reduz a previsão de crescimento da economia brasileira
Geral
Câncer pode liderar causas de morte no futuro
Geral
Laticínios Piracanjuba confirma investimentos de R$ 110 milhões no Sudoeste do Paraná
Geral
Direitos garantidos às mulheres presas