Previsão do tempo
22°
25°
Pancadas de Chuva a Tarde

Jornal da Manhã

Cláudio Saccol

Bom dia Fronteira

Jeferson Rodrigues

Notícias
Geral
Semana do Portador de Deficiência Intelectual e Múltipla – Qual o nosso comprometimento com essa Classe tão Especial?
Um pouco daquilo que é realizado com pessoas muito especiais e que merecem o nosso amor e a nossa atenção em tempo integral.

APAES de todo o país vivem a partir de hoje a Semana do Portador de Deficiência Intelectual e Múltipla. É um período curto, contudo, é nesse pouco de tempo que a “família apaiana” convida a sociedade para conhecer sua realidade.

Um pouco daquilo que é realizado com pessoas muito especiais e que merecem o nosso amor e a nossa atenção em tempo integral.

Nesta semana, essas criaturas deixam a escola ou nos convidam para ir até eles. E a final, qual é nossa reação diante desse convite? As respostas são subjetivas, pois somos seres humanos com formações e conceitos diferentes.

Sem responder pelo outros, mas com base naquilo que observo e procuro entender, há vários grupos: aqueles que ficam sensibilizados pelo momento, os que colaboram e valorizam a entidade por terem um membro da família que frequenta a APAE, outros que não possuem entes com necessidades especiais e por fim os que são conhecidos em todas as situações, isto é, aqueles que não  tão  aí pra nada.

Antes de querer julgar alguém, longe disso, visto que este despretensioso comentário não teve e nunca terá tal propósito, conclamo a todos para fazer uma reflexão em torno do tema.

Vamos nos perguntar e procurar responder a nós mesmos qual tem sido a minha conduta em relação a esses meus irmãos que não são diferentes, mas sim especiais? Se a resposta for positiva, sim, eu vivo a APAE, suas angustias e conquistas, ótimo, vou continuar fazendo aquilo que faz parte da missão que me foi dada como ser humano que pensa antes na felicidade e bem estar dos outros para depois pensar em mim.
Entretanto, se a resposta não for essa, ainda há tempo para rever os valores éticos e morais que você tem pautado sua vida.

Faça isso sem entrar em desespero. Afinal, não somos o senhor do tempo, porém, somos nós que decidimos como aproveitar o tempo de vida que nos é dado de graça pelo criador. São 24 horas ao dia, 365 dias ao ano. Que tal dispor de parte desse tempo para nos dedicarmos a uma causa tão nobre como as APAES.

O auxílio a que me refiro, não tem que ser necessariamente em dinheiro, contribuições materiais ou trabalho. Basta visitar uma Escola da APAE ou então um portador de necessidades especiais em sua própria casa.
O amor, o abraço, o carinho, quando dado de coração, não custa nada, um centavo se quer. Entretanto, o efeito que este gesto gera em quem recebe, é de valor incalculável.

Que tal começarmos pela APAE de nossa cidade. Em Barracão, a Escola Novos Horizontes definiu programação que envolve uma série de ações a partir do tema “desafiando limites, diminuindo as diferenças”.

Segundo a diretora Marisa Diel, trata-se de uma proposta de luta contra a discriminação e pela sensibilização das famílias sobre a necessidade de tratar do portador da deficiência, uma vez ela identificada. É uma programação pautada na informação e prevenção sobre deficiências.

Se estamos realmente dispostos a fazer algo de bom para o nosso próximo, motivos não nos faltam.

A Semana do Portador de Deficiência Intelectual e Múltipla nos oportuniza dar o primeiro passo de uma longa caminhada.

Vamos por em prática esse desafio em nossas vidas?
 

Veja Também
Política
Reforma trabalhista pode tirar 45 milhões da informalidade
Polícia
Irmãos morrem em colisão entre dois carros e uma moto na PR-182
Corinthians embarca hoje para o Japão após derrota para o São Paulo
Mundo
Canadá e Estados Unidos ainda terão frio extremo em janeiro
Justiça
STF libera para Moro ação contra Cunha sobre contas na Suíça
Polícia
Mulher esconde drogas na vagina para visitar preso