Previsão do tempo
22°
32°
Predomínio de Sol

Prefeitura Municipal de Manfri

Assessoria

Encontro de Bandas

Laudinor Dalvani

Notícias
Geral
Governo do Estado garante abertura de centros regionais para atender dependente de álcool e drogas
Os Caps são serviços de saúde especializados em saúde mental

O governador Beto Richa autorizou nesta segunda-feira a instituição do Incentivo Financeiro Estadual para implantação de Centros de Atenção Psicossocial AD III, Caps, e Unidades de Acolhimento regionais. Os espaços serão referência para o atendimento às pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Para receber o incentivo os dois serviços devem ser implantados conjuntamente pelos municípios. O valor do incentivo é de 150 mil reais para implantação do CAPS AD III e 70 mil reais para a Unidade de Acolhimento. Além disso, o Estado garantirá o repasse mensal de custeio permanente de 39 mil e 400 reais e 12 mil e 500 reais. Os Caps são serviços de saúde especializados em saúde mental, onde os pacientes têm acesso a um tratamento multidisciplinar que busca a reinserção social do indivíduo, sem a necessidade de internação. Atualmente o Estado conta com 103 centros na rede pública de saúde. A Unidade de Acolhimento é um serviço complementar ao Centro de Atenção Psicossocial. Ela oferece moradia temporária e cuidados contínuos para pessoas com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, em situação de vulnerabilidade social e familiar. É permitido que os pacientes residam no local por até seis meses, de acordo com o projeto terapêutico.

Veja Também
Geral
Proposta sugere que motorista tenha CNH exclusiva para veículos automáticos
Polícia
PF deflagra operação contra tráfico de drogas em três estados
Mundo
Papa Francisco quer que América Latina combata problemas sociais com inclusão e diálogo
Polícia
Detento cultivava maconha dentro da Penitenciária Estadual em Francisco Beltrão
Mundo
Eleição de prefeito no Peru é decidida no cara ou coroa
Geral
Esgoto Sanitário de Dionísio Cerqueira volta a ser discutido na Rádio AM 570