Previsão do tempo
20°
31°
Parcialmente Nublado

Clube do Povo

Doalcei Alves

Rota 94

Adriana Riva

Notícias
Paraná
Cobertura televisiva do enterro de Mantela será desafio tecnológico
A imprensa deve respeitar o limite de aproximação imposto pela polícia, o que transforma a visibilidade a distância um fator importante na cobertura

O mundo inteiro estará com os olhos voltados ao enterrio do ex-líder sul africano Nelson Mandela. Mas para isso acontecer, as equipes de jornalismos no evento terão que lutar por uma boa imagem. São vários fatores que dificultam a cobertura.

Além da segurança e das restrições, o clima no vilarejo onde Nelson Mandela será enterrado têm dificultado a transmissão do sinal para satélites e embaçado a nitidez das imagens.

Mesmo cinegrafistas e fotógrafos com os mais modernos equipamentos, nada podem fazer quando a neblina se torna espessa e a propriedade da família Mandela fica escondida sob nuvens. A imprensa deve respeitar o limite de aproximação imposto pela polícia, o que transforma a visibilidade a distância um fator importante na cobertura.

As estradas de terra enlameadas devem se tornar um problema logístico, não somente para os estrangeiros, mas também para as autoridades que vão acompanhar o sepultamento. De acordo com a previsão do tempo, a possibilidade é de 60% de chuva no próximo domingo, dia do enterro de Nelson Mandela. 

Veja Também
Polícia
São Miguel do Oeste – Operação Integrada I da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil realiza fiscalização em estabelecimentos comerciais
Economia
Retirada de dinheiro da poupança supera o saque até novembro
Polícia
PRF apreende caminhão com mil caixas de cigarros
Polícia
Adolescente envolvido em homicídio é apreendido em Francisco Beltrão
Polícia
Onças pardas podem estar atacando animais domésticos no interior do município
Geral
“Foram os vereadores que marcaram a sessão, não eu!”, rebate prefeito de Barracão, sobre polêmica de votação dos projetos barracos na Câmara