Previsão do tempo
15°
23°
Parcialmente Nublado

Chimarreando com a Fronteira

Loreno da Silva

Som Brasil

Loivo Miguel

Notícias
Geral
Programa, na fronteira Brasil-Argentina, amplia participação e faz balanço positivo de resultados
Fronteiras Cooperativas, iniciativa do Sebrae e das Prefeituras de Barracão e Bernardo Irigoyen, inclui Dionísio Cerqueira e inicia atividades de 2014

Lideranças empresariais e políticas do Brasil e da Argentina reuniram-se, na semana que passou, em Barracão, para avaliação da viagem do Projeto Fronteiras Cooperativas. O evento marcou a primeira atividade de 2014 do Programa, que é uma iniciativa do SEBRAE Nacional, SEBRAE/PR e das Prefeituras de Barracão e de Bernardo de Irigoyen.  

No encontro, realizado na Associação Comercial Empresarial de Dionísio Cerqueira, Barracão e Bom Jesus do Sul (Ascoagrin), foram apresentados os resultados da missão internacional, realizada para Espanha e Portugal, e ainda oficializada a inclusão do município catarinense de Dionísio Cerqueira no Programa.

O diretor-superintendente do SEBRAE/PR, Vitor Roberto Tioqueta, o Prefeito Marco Zandoná e o consultor em cooperação internacional, Luiz Antonio Rolim de Moura, participaram do evento.

A missão internacional foi realizada entre 23 de novembro de 2 de dezembro de 2013, para a Euro região do Alentejo – Algarves- Andaluzia. O grupo de brasileiros e argentinos participou de seminários de intercâmbio sobre práticas de gestão de cidades de fronteira, cooperação internacional fronteiriça e diálogos empresariais com cidades congêneres na fronteira luso-espanhola das regiões do Algarve e Alentejo em Portugal e da Andaluzia, Espanha.

Experiências de benchmarking de fronteiras, gestão pública de cidades, cooperação internacional pública e privada, interação em ambiente multicultural e desenvolvimento de projetos com equipes de cidades gêmeas, foram alguns dos benefícios apontados pelos participantes da missão.

 O encontro na Ascoagrin também determinou a inclusão oficial de Dionísio Cerqueira no Programa, que agora conta com Barracão, no Paraná; e Bernardo de Irigoyen, na Argentina. Um acordo entre o SEBRAE/PR e o SEBRAE/SC viabilizou a inclusão do município catarinense, que, geograficamente, está integrado às cidades gêmeas na fronteira do Paraná, Santa Catarina e Misiones (Argentina).

Para o Prefeito de Barracão, Marco Aurélio Zandoná, a inclusão de Dionísio Cerqueira só reforça o Programa, pois, Barracão e Dionísio já estão ligados pelo Consórcio Intermunicipal da Fronteira (CIF) que ainda conta com Bom Jesus do Sul e Bernardo de Irigoyen. Assim, todos os projetos serão desenvolvidos conjuntamente pelos líderes dos três municípios. Vale lembrar que os líderes já estão estudando a inclusão de Bom Jesus do Sul no Programa, o que irá mobilizar ainda mais a região.

Resultados

As primeiras impressões do Programa foram analisadas como inovadoras pela representante do governo municipal de Bernardo de Irigoyen, Bella Spinosa. “Quando conhecemos a ideia, achamos que era um sonho. No entanto, foi provado, desde o primeiro momento, que o Programa Fronteiras Cooperativas pode transformar nossa realidade. A fronteira, que geograficamente nos separa, passou a ser algo que nos une, para juntos melhorarmos a realidade de nossos municípios. Isso foi possível pelas ações do Programa”, conclui Bella.

Em Barracão, o prefeito Marco Aurélio Zandoná também se mostrou otimista com o Programa, que entra no segundo ano de atividade. “O ano de 2013 foi promissor e uma das boas coisas que aconteceram para Barracão e nossas cidades foi o Programa Fronteiras Cooperativas, principalmente na sensibilização e formação de lideranças. Agora, com a integração de Dionísio Cerqueira, queremos consolidar esse trabalho de desenvolvimento transfronteiriço”, avalia Zandoná.
 
Advogado e empresário, Marcos Daniel Haeflieger, vive a rotina da fronteira com negócios nas duas cidades. Escolhido como presidente do grupo gestor do Programa, a liderança acredita que o Fronteiras Cooperativas aproximou as cidades e países, estabelecendo uma nova visão de cooperação na fronteira. “Tivemos avanços com relação à cooperação entre as lideranças empresariais e, dentro da Escola de Líderes,  elaboramos projetos para combater deficiência que temos na fronteira. Agora, vamos trabalhar para atacar os problemas e potencializar nosso pontos positivos”, destacou Marcos.

A agenda para 2014 do Programa será definida nesta quinta, dia 26 e sexta-feira, dia 27, durante uma oficina de planejamento em Barracão.
 

Veja Também
Justiça
STJ nega união estável por falta de fidelidade
Polícia
PM cerqueirense apreende câmera de monitoramento com suspeito conhecido no meio policial
Polícia
PM usa arma de choque para prender homem descontrolado
Educação
Rede estadual de ensino abre novas oportunidades para matrículas
Polícia
PM registra desentendimento entre mãe e filha
Geral
Ministro da Justiça vai na contramão da sociedade e rejeita diminuição da idade penal