Previsão do tempo
13°
24°
Possibilidade de Pancadas de Chuva à Tarde

Rota 94

Laudinor Dalvani

Notícias
Polícia
Polícia Civil. Federal e Receita Federal cerqueirense apreendem drogas e munições
No mesmo ônibus, também foi apreendido um menor de idade, morador em Blumenau/SC

Policiais federais que participam da Operação Sentinela na Delegacia de Polícia Civil de Dionísio Cerqueira/SC, em ação conjunta com a Receita Federal, prenderam três pessoas e apreenderam um menor, em operação realizada no município de Marmeleiro/PR.

A primeira prisão foi de uma mulher de 18 anos, moradora em Santo Amaro da Imperatriz/SC, por tráfico internacional de munições, crime que tem pena prevista de até oito anos de reclusão. Ela viajava num ônibus que fazia a linha Campo Grande/MS a Florianópolis/SC e levava 350 cartuchos de calibres diversos, que disse ter recebido em Salto Del Guairá, no Paraguai, e que levaria para uma pessoa de Florianópolis, visando a comercialização numa favela da capital, pelo que receberia R$ 2 mil.  O caso se acha submetido ao Juízo Federal de Francisco Beltrão/PR.

No mesmo ônibus, também foi apreendido um menor de idade, morador em Blumenau/SC, depois que a equipe encontrou 28 Kg de maconha dentro de uma mala que ele levava. O fato foi enquadrado como ato infracional de tráfico de drogas, sendo que o menor foi entregue para o Conselho Tutelar daquele município, visando a apresentação dele na Promotoria da Comarca.

Pelo apurado, a maconha teria sido adquirida em Guaíra/PR e seria levada para Blumenau/SC.

Logo depois da abordagem ao ônibus que tinha como destino Florianópolis/SC, os policiais pararam um outro que fazia a linha Foz do Iguaçu/PR a Passo Fundo/RS, onde prenderam dois adultos, de 56 e 30 anos, ambos moradores em Passo Fundo. Eles viajavam juntos e levavam numa mala, na qual foram encontrados 4,5Kg de maconha. Eles foram dados como incursos no crime do art. 33 cc 40, I, da Lei 11.343/2006 (tráfico transnacional de drogas), crime que tem pena prevista de até 25 anos de reclusão, em razão de agravantes, submetendo-se o fato ao Juízo Federal de Francisco Beltrão/PR.

Fonte: DPF/DC

Veja Também
Geral
Vereadores barraconenses de situação participam de reunião com o Núcleo de Educação, em Francisco Beltrão. E destacam o apoio da base oposicionista, n
Política
Brasil unido contra a PEC 37
Geral
Lei que obriga registro da carteira do empregado doméstico começa valer em agosto
Polícia
Após matar o próprio tio, jovem de 20 anos se entrega na polícia e confessa homicídio no interior de Barracão
Geral
Temporal atinge tri-fronteira e deixa famílias desalojadas
Geral
Metade dos brasileiros relata assédio no trabalho, indica pesquisa